Inquérito
Trabalho realizado pela FEPODABES
SATISFAZ BASTANTE
NÃO SATISFAZ
SATISFAZ
Notícia
Comunicado
15 de Dezembro de 2016
Comunicado
COMUNICADO No seguimento de notícias que têm vindo a público em que antigos dirigentes e\ou funcionários de institutos públicos e empresas privadas são alegadamente implicados em práticas à margem da Lei, vem a FEPODABES- Federação Portuguesa de Dadores Benévolos de Sangue, indignar-se com a utilização da expressão "Máfia do Sangue", que passa a ideia errada par ao público em geral que todos os ligados à dádiva de sangue estão envolvidos em práticas menos lícitas, desde o dador anónimo até ao mais alto responsável do sector, passando por todo o movimento associativo . Sendo que não queremos que os dadores, bem como demais intervenientes neste processo que é a nível nacional necessário para todos os que de sangue necessitam, fiquem rotulados com o estigma de mafiosos, quer a Federação repudiar a terminologia utilizada, e garantir a todos aqueles que horas da sua vida dão para doar sangue, para promover a dádiva e garantir que o sangue não falta nos hospitais, não vêm todo esse esforço maculado com suspeitas que nada têm a ver com eles. A dádiva de sangue é um ato altruísta que só dignifica a sociedade portuguesa, pelo referencial que é hoje em dia a nível mundial. Vivam os dadores, viva o associativismo da à dádiva benévola de sangue Com os melhores Cumprimentos, O Presidente da Direcção da FEPODABES Alberto Manuel Gonçalves Mota
   
Estatísticas
Temos 633 visitantes online.
Visitas: 1.891.988
Calendário
Partilha